Há quem goste delas curtas, há quem as aprecie mais longas, mas para nós o tamanho não importa, uma história merece sempre ser contada.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Peguem nela...

As peças encaixam-se (e de que maneira!) na história de Gina. Abusada enquanto pré-adolescente, será santa ou o diabo em pessoa? Que mistério encerra a morte de Thomas? O que aconteceu ao seu pénis decepado? Quem controla a fúria de Daniel? Quem são as mulheres que aparecem sempre nos cenários de tragédia?
Algumas da meninas que pegue no cajado, digo, na história, faz favor!!

7 comentários:

Nuvem disse...

Bom resumo da situação Miguel.
É que com tanta volta no enredo perdemos o Netherfield, a Laura... mas adoro as reviravoltas que tem acontecido.
Aguardo com "ansiedade" os próximos capítulos desta pornochachada tornada num policial pornográfico :)

Melissinha disse...

ó paaa eu ENTERREI a Laura!
Vocês têm memória de peixinho dourado!
:P

Nuvem disse...

opááááááá
eu sei
mas ficou pendente a historia entre elas... o que leva às mulheres na janela...
lolololol
e enterraste lindamente, diga-se de passagem Melissinha :)

Ana C. disse...

Pois eu cá não posso pegar em pesos devido á minha condição de gestante maravilha, por isso passo o cajado a outro com mais força.
Eu acho que a Nuvem aprecia mais as cajadadas do que propriamente o enredo :)

Melissinha disse...

eh pá eu ando depressiva, como sabem.
Vamos lá ver o que sai.

Por mim, o Miguel agarrava na história com o fervor que já é seu apanágio.

Nuvem disse...

Parabéns pelo estado Ana!!!
E mais do que as cajadadas, adoro as voltas e reviravoltas do enredo :)
E do talento que todos vocês tem para escrever :)
beijinhos a todos

Melissinha - ânimo moça!!! Não posso crer que cedas a depressões :)
um beijinho

Miguel disse...

Pronto, pronto meninas, eu hoje volto a pegar no cajado.